terça-feira, 30 de setembro de 2014

Hamilton, o comandante dos ares

Foto de Hamilton Rocha - Oficial
Pioneiro em reportagens aéreas, Hamilton Alves da Rocha, conhecido como Comandante Hamilton (57), cresceu sonhando em voar. Criativo e ousado, começou fazendo passeios panorâmicos de helicóptero por cidades do interior e capital paulista, época em que conheceu o apresentador Augusto Liberato, que o convidou para lançar paraquedinhas em um programa que estrearia no SBT, o Domingo Legal.
    O helicóptero era um dos responsáveis pelos maiores picos de audiência do dominical. Para dar credibilidade e eficiência ao serviço prestado à sociedade, Hamilton, que já trabalhou nas principais emissoras do Brasil, como o próprio SBT, Rede Bandeirantes, Rede TV, onde apresentou o "Viva Ação", se formou em jornalismo. Atualmente, o piloto de helicóptero e jornalista, com sua mini estação aérea de TV, atua na Rede Record e dedica parte do seu tempo e experiência em projetos educativos.

Karen Salvador: Você sempre sonhou em ser piloto?

CMTE HAMILTON: Sim, desde pequeno.

KS: Quando você teve o primeiro contato com aviação? como foi?

CMTE HAMILTON:  Tentei desde os 15 anos, mas era muito pobre, não tinha acesso. Só consegui depois dos 23 anos de idade. Comecei pensando em ser piloto de avião. Mas após um voo de helicóptero como acompanhante para levar um Papai Noel, senti que era piloto de helicóptero o meu destino.

KS: Quais as dificuldades enfrentadas para realização do seu sonho?

CMTE HAMILTON: A maior dificuldade foi o custo da formação de um piloto. Mas como sempre tive na mente que nada segura uma pessoa determinada e bem intencionada, mantive o meu princípio e consegui.

KS: Como surgiu a ideia de ser repórter aéreo na TV?

CMTE HAMILTON: Começou atendendo emissoras de TV, a maioria dos repórteres tinham medo de voar, e eu que passava o que eles falavam. Resolvi fazer Jornalismo para atender melhor o trabalho. Aconteceu com naturalidade, uma consequência do meu trabalho para TV.

KS: Mesmo já trabalhando como repórter aéreo na televisão, você optou por se graduar em jornalismo. Qual a importância desse passo na sua vida profissional? Você é a favor do diploma para jornalistas?

CMTE HAMILTON: O diploma e pós graduação deveria ser exigido para um profissional de notícias, o jornalista é muito importante em nossa sociedade, sempre foi. Exigem diplomas para muitas atividades, deveria ser exigido para jornalista também. Fiz jornalismo porque acho importante fazer o melhor sempre. A busca pelo melhor é que nos faz ser um bom profissional.

KS: Você realiza um trabalho educacional voltado para as crianças, como é esse projeto?


CMTE HAMILTON: As crianças são o futuro, são o brasileiro de amanhã, só teremos um grande país se investirmos na educação de nossas crianças, temos que prepara-los para serem melhores possíveis e isso só se faz com educação. O meu projeto é minha forma de ajudar, são várias revistas em quadrinhos com temas de cidadania e educação ambiental, essas revistas são distribuídas de forma gratuita durante visitas e palestras em escolas.

KS: O uniforme que usa para trabalho é criação sua, e se tornou marca registrada. Por que decidiu criar um uniforme exclusivo? O que ele tem de diferente? É uma forma de tornar a sua imagem única?

CMTE HAMILTON: O uniforme significa disciplina, é o que preciso junto com princípios de segurança aeronáutica para realizar o meu trabalho. A cor é para facilitar o ajustes de câmeras na TV, cores claras como o branco por exemplo não é o ideal para TV. Criei o uniforme para facilitar o meu trabalho e do diretor de imagem.

KS: Gostaria de deixar uma mensagem para os jovens que sonham com uma carreira brilhante como a sua?


CMTE HAMILTON: O mais importante é ter certeza do que deseja ser, cada um nasce com uma habilidade nata e uma vocação na vida, quanto mais rápido descobri-la melhor. O resto é determinação e trabalho.
O que achou?

6 comentários :

  1. Linda entrevista, ja admirava o Comandante Hamilton agora muito mais. Um exemplo muito legal de alguém que lutou muito pra estar fazendo o que gosta, mesmo não tendo condição nunca desistiu do seu objetivo.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns Karen, matéria bem elaborada. Sucesso sempre!

    Tatiane Aragon

    ResponderExcluir
  3. Parabens minha sobrinha, o seu esforço é teu sucesso!

    ResponderExcluir
  4. Parabéns querida!
    Adorei sucessos sempre.

    ResponderExcluir
  5. Excelente Karen, perguntas inteligentes e a escolha muito legal do entrevistado. Parabéns

    ResponderExcluir
  6. Karen parabéns pela dedicação, criatividade e profissionalismo. Verdadeiramente o seu trabalho tem sido um exemplo e um orgulho muito grande para todos nós .

    ResponderExcluir

Gostou do post? Comente. Ficarei muito feliz em saber sua opinião sobre essa postagem que preparei com muito carinho.