domingo, 22 de maio de 2011

Traumas de Infância II

Uma nova História
Nos últimos dias o que mais tenho ouvido dizer é que Deus tem uma nova história para mim. Quando nascemos um livro com páginas em branco é aberto para o começo de uma história. Durante o percurso da vida encontramos diversos obstáculos que nos faz pensar em desistir,  na qual nos leva a refletir, e ficamos a nos perguntar: Por que estou nesse mundo? Por que apenas eu tenho que passar por isso? Por que tudo acontece comigo? Muitos cometem a tolice de dizerem que não deveria estar nesse mundo. Pois pra que existir se tudo que faço dá errado?

Saiba que as experiências nos fazem crescer, nenhum desses motivos, são argumentos para desistirmos, pois posso dizer que eu realmente teria motivos para desistir, ninguém nunca me compreendeu, sempre fui sozinha, chorando pelos cantos.  Lembro-me que na minha adolescência fazia de tudo para chamar a atenção das pessoas, pois como muitas vezes me sentia excluída, para ver se conseguia um pouco de atenção comecei a me envolver com pessoas erradas, ficar com um e com outro, me recordo que fiquei com um rapaz simplesmente para dizer pro meu grupo de “amigos” que estava “ficando” com alguém, mas isso não me satisfazia, nunca gostei desses negócios de “Ficar”, só queria estar incluída em algum lugar. 

Não fiquei com muitas pessoas, mas quando estava com alguém dizia que já tinha me envolvido com vários. Tudo para tentar preencher um vazio que se encontrava em meu coração, minha vontade era fugir da realidade naqueles pequenos momentos. Quando estava com meus “amigos” fazia de tudo pra ser notada, sem muito sucesso, pois quando encostava a cabeça no travesseiro aquela triste realidade retornava.
Por pouco não me enveredei por caminhos mais tortuosos em que já estava. Tudo que fazia de errado era escondido da minha mãe, pois o que mais ela me dizia era: “Se você aparecer grávida em casa te expulso.” Dias antes de chegar até a Força Jovem me envolvi com um “cara” no qual por um fio não me entreguei a ele, tive nojo naquele momento do que estava fazendo e pensei comigo: “Deus está vendo!”

Passado 5 meses em que já estava no Grupo Jovem ao conversar com uma colega que havia se envolvido com a mesma pessoa, fiquei sabendo que o tal rapaz tinha sido preso em flagrante por tráfico de drogas junto com sua noiva.  Naquele momento passou uma cena em minha mente e fiquei a me perguntar: onde estaria se Deus não houvesse me livrado? Talvez grávida? No mundo das drogas?  Sei lá... foi questão de dias!

Sou muito grata a Deus por tudo que Ele fez e tem feito em minha vida. Costumo dizer que em mim existe uma fonte a jorrar, pois não existe vazio no meu interior, aprendi acreditar em mim, me tornei forte, determinada. Sei que posso chegar onde quiser, pois Deus apagou o meu passado e me deu um novo livro para que eu pudesse reescrever minha História.

História essa em que todos verão a glória de Deus em minha vida, pois decidi não mais sonhar os meus sonhos, os entreguei nas mãos do Altíssimo para que na hora certa ele possa realizar todos os desejos do meu coração. 
O que achou?

Um comentário :

  1. Amém flor... Deus te livrou do mal e pode ter certeza que você vai ter histórias lindas pra nos contar. Testemunhos de fé, superação e VITÓRIA!!! Eu creio nisso...

    ResponderExcluir

Gostou do post? Comente. Ficarei muito feliz em saber sua opinião sobre essa postagem que preparei com muito carinho.