segunda-feira, 27 de junho de 2011

Revolta inteligente

Começa por um pensamento, que rápido se transforma num desejo, que velozmente dá lugar a um grito interior que nem a própria pessoa consegue silenciar: este é o “grito da Revolta”.
A revolta, nada mais é do que o desejo incontrolável, projectado por cada pessoa, de observar uma transformação profunda na sua vida. Para muitos, esta revolta termina mesmo antes de começar, pois o pensamento é banido da sua mente, o desejo abafado no seu coração e o grito sufocado na sua alma, dando origem ao desânimo constante.
Muitos vivem assim, como sombras de uma revolta que a sua vida lhes reivindica, mas que nunca terá lugar, pois falta-lhes a coragem da fé inteligente. Porém, o que muitos desconhecem é que a revolta é inevitável, mesmo a pessoal, já que a mesma é fruto do inconformismo para com a própria vida. É por isso que a revolta pode ser tanto positiva como negativa, sendo que a segunda, como é desequilibrada e nefasta, pode causar a destruição, até do próprio “revoltado”. Já a positiva tem como alvo o próprio mal, que actua na vida de muitos, fazendo com que a Mão de Deus se mova em favor da própria pessoa. Na verdade, só se revolta quem tem uma fé inteligente, pois não aceita viver o contrário do que diz a Palavra de Deus.
As quatro características do Revoltado são as seguintes:
1) Ele sabe o que quer;
2) Ele sabe o que tem que ser feito, dentro e fora da igreja;
3) Ele faz;
4) E ele não desiste enquanto não conseguir.
Agora, o acomodado:
1) Não sabe o que quer
2) Não sabe o que tem que fazer
3) Não faz
4) E por qualquer coisa desiste.


Bispo Júlio Freitas


O que achou?

Um comentário :

  1. Karen, o bispo Julio Freitas é muito abençoado e sábio nas palavras em Cristo! Fique com Deus e uma terça feira abençoada! Bjs!

    Cristiane Jácomo

    ResponderExcluir

Gostou do post? Comente. Ficarei muito feliz em saber sua opinião sobre essa postagem que preparei com muito carinho.