quarta-feira, 30 de novembro de 2011

Os 10 pecados capitais do profissional

Gente, o post a seguir recebi por e-mail e quero compartilhar com vocês!


1º) O profissional não programa as suas ações de forma planejada, mas as concebe no dia-a-dia, conforme a urgência de cada situação.

2º) O profissional não dá importância ao seu orçamento, o que faz com que trabalhe apenas para pagar as suas dividas.

3º) O profissional não gosta de descentralizar as suas decisões, pois entende que isto significa perda de poder.

4º) O profissional não investe em capacitação nem tampouco busca trabalhar nas melhores referências profissionais.

5º) O profissional tem receio de ser transparente, pois teme ser questionado sobre suas ações.

6º) O profissional não tem o habito de socializar informações e de utilizá-las em sua estratégia de ação.

7º) O profissional fica tentando inventar a roda, quando poderia aperfeiçoar e adequar para sua realidade situações já existentes.

8º) O profissional acredita que não será punido se cometer erros ou prejuízos à empresa pelo fato de ser uma pessoa que está sempre preocupado em puxar o saco dos seus superiores. Tem um foco mais político do que técnico.

9º) O profissional administra a coisa como se nunca fosse um dia ser o responsável por aquela empresa/instituição. Em outra palavras: perde a chance de aprender administrar com a empresa dos outros.

10º) O profissional não se preocupa em ser responsável do ponto de vista legal/técnico, mas sim em ser eficiente do ponto de vista político.


Deus abençoe a todos vocês!



Priscila Bello
 
O que achou?

0 comentários :

Postar um comentário

Gostou do post? Comente. Ficarei muito feliz em saber sua opinião sobre essa postagem que preparei com muito carinho.